Pelos que entraram no Tabernáculo da Tua eternidade

Oracoes / Pelos que entraram no Tabernáculo da Tua eternidade

Glória a Ti, ó Senhor, meu Deus! Não rebaixes a criatura que exaltaste através do poder da Tua soberania eterna nem removas para longe de Ti aquele que fizeste entrar no tabernáculo da Tua eternidade. Queres Tu expulsar, ó meu Deus, o ser que amparaste com Tua proteção, e consentes em afastar de Ti, ó meu Desejo, aquele para o qual foste um refúgio? Podes Tu humilhar a quem elevaste, ou esquecer aquele a quem deste o poder de se lembrar de Ti?

Glorificado, imensamente glorificado és Tu! És Aquele que sempre foi o Rei da criação inteira e seu Primeiro Impulsor, e haverás de permanecer para sempre o Senhor de todas as coisas criadas, O que as rege. Glorificado és, ó meu Deus! Se Tu deixares de ser misericordioso para com Teu servos, quem, então, haverá de lhes mostrar misericórdia? E se Tu recusares socorrer Teus -bem-amados, quem poderá socorrê-los?

Glorificado, imensuravelmente glorificado és Tu! És adorado em Tua verdade e a Ti nós todos veramente adoramos; e estás manifesto em Tua justiça, e a Ti nós todos veramente damos testemunho. És, em verdade, amado em Tua graça. Não há outro Deus além de Ti, o Amparo no Perigo, o que Subsiste por Si Próprio.

Bahá'u'lláh