Louvor a Ti, ó Tu que inclinas Teus ouvidos aos suspiros dos que de todo apego se livraram, exceto de Ti

Oracoes / Louvor a Ti, ó Tu que inclinas Teus ouvidos aos suspiros dos que de todo apego se livraram, exceto de Ti

Curso Online

Que tal participar de um curso online gratuito de desenvolvimento espiritual? 

Clique aqui para saber mais.

Quer ganhar um e-book de orações?

Gotas de Fé - Sua dose diária de espiritualidade no Facebook.

Curta a página Gotas de Fé no Facebook!

Orações para a Paz Espiritual

 

Louvor a Ti, ó Tu que inclinas Teus ouvidos aos suspiros dos que de todo apego se livraram, exceto de Ti, e escutas a voz da lamentação daqueles que só a Ti se dedicam!

Vês tudo o que lhes sobreveio nas mãos daquelas criaturas Tuas que transgrediram e se rebelaram contra Ti.

Tua grandeza dá-me testemunho, ó Tu que és o Rei dos domínios da justiça e o Governante das cidades da mercê!

Tais foram as tribulações por eles sofridas, que nenhuma pena em toda a criação as pode contar. Fosse alguém tentar mencioná-las, ele se acharia incapaz de as descrever.

Desde que essas tribulações, entretanto, foram suportadas em Teu caminho e por amor a Ti, os assim afligidos Te agradecem sob todas as condições, dizendo:

"Ó Tu, que és o Deleite dos nossos corações, Aquele a Quem adoramos! Se as nuvens do Teu decreto chovessem sobre nós os dardos da tribulação, recusaríamos, em nosso amor por Ti, ser impacientes. Dar-te-íamos louvor e graças, pois reconhecemos e nos persuadimos de que Tu ordenaste somente o que nos fosse o melhor. Se sobre nossos corpos pesam algumas vezes os desgostos, nossas almas, no entanto, se regozijam com grande alegria. Tua grandeza nos dá testemunho, ó Tu que és o Desejo de nossos corações e o Júbilo de nossas almas! Todo desgosto que nos atinge em nosso amor por Ti evidencia Tua mercê; toda provação de fogo é sinal do esplendor da Tua Luz; cada tribulação penosa, um alívio; cada faina, um repouso deleitável; cada angústia, uma fonte de contentamento."

Quem se impacienta nas tribulações que lhes atingem em Teu caminho, ó meu Senhor, não sorveu da taça do Teu amor, nem saboreou a doçura da Tua lembrança.

Imploro-Te – por Aquele que é o Rei de todos os Nomes e seu Soberano, o Revelador de todos os atributos e seu Criador, e por aqueles que se elevaram e se aproximaram de Ti, alçando vôo para o recinto da Tua Presença, e que suportaram as cadeias esfoladoras por Tua Causa imploro-Te que concedas Tua graça a todo o Teu povo, para que reconheça Aquele que é o Manifestante de Ti próprio, Aquele que sofreu exílio e prisão por haver convocado para Ti o gênero humano.

- Bahá’u’lláh